A DECAPITAÇÃO DE JAMES FOLEY:O QUE A MÍDIA NÃO ESTÁ DIZENDO PRA VOCÊ

Eu sou agnóstico e convivo de boa com pessoas religiosas,mas nunca,nunca mesmo vou dar apoio a religiões autoritárias,uma delas é a porra do islã.Esse jornalista James Foley que foi decapitado provou de seu próprio veneno.O cara era maior paga pau do islamismo,tipico esquerdista de bosta que é a favor do islã.Mas se fodeu.Veja essa matéria do blog do Julio Severo.

James Foley era um americano esquerdista que acreditava que o islamismo é uma religião de paz e amor. A revista FrontPage disse que Foley era de uma nova espécie de ativistas que se autointitulam jornalistas. Por isso, ele não havia ido ao Oriente Médio para noticiar, mas para promover sua agenda. E essa agenda era evidente a partir do que ele mesmo dizia publicamente pelo Twitter.
A perda de toda vida humana é trágica, mas Foley era propagandista de terroristas islâmicos que acabaram cortando-lhe a cabeça. Um homem de princípios morais teria tido mais compaixão dos cristãos, porém a preferência de Foley eram os islâmicos que torturam, estupram e decapitam cristãos. Ele havia ido à Síria para apoiar os rebeldes islâmicos contra o governo sírio.
De acordo com FrontPage, ele aplaudiu quando os terroristas islâmicos estavam lutando para exterminar os cristãos da cidade de Aleppo. No conflito entre Israel e o grupo terrorista Hamas, os tuítes dele eram pura propaganda pró-terrorismo. Seu entusiasmo pelos rebeldes muçulmanos sírios não parece ter sido correspondido. A ala mais radical desses rebeldes, ligados à al-Qaida e que hoje são o EIIL, o raptou. Pouco tempo antes, quando um real jornalista havia sido sequestrado pelos rebeldes, Foley zombou do caso. Na mente dele, os rebeldes nunca cometeriam tal maldade.

Ele zombava de notícias que tentavam mostrar o horror que os cristãos estavam sofrendo nas mãos dos islâmicos. Para ele, isso não passava de “islamofobia” — ódio aos muçulmanos. De acordo com FrontPage, Foley era fanaticamente anti-Israel.
O que é intrigante no episódio não é só a estupidez esquerdista suicida de Foley, que hoje é retratado como “mártir,” mas a atitude da imprensa americana, que sempre escolheu manter os olhos fechados para as atrocidades que os cristãos estão sofrendo dos rebeldes islâmicos. Agora, essa mesma imprensa trata como “herói” um americano que louvava os massacradores islâmicos e nunca imaginava que um dia ele próprio sofreria o mesmo destino de milhares de cristãos que são degolados na Síria e Iraque sem que jornalistas e ativistas esquerdistas demonstrem uma só gota de compaixão.

Fonte:
http://juliosevero.blogspot.com.br/2014/08/a-decapitacao-de-james-foley-o-que.html

TODOS VCS IDIOTAS ESQUERDISTAS DE MERDA TAMBÉM DEVERIAM SER DECAPITADOS POR MUÇULMANOS PARA VCS PROVAREM DO SEU PRÓPRIO VENENO.
O BESTÃO JAMES FOLEY QUE SIRVA DE EXEMPLO.

Comentários

  1. parabéns pra esse otário, achou o que tava procurando...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem defende o capeta,acaba se queimando no inferno.

      Excluir

Postar um comentário

Antes de proferir algum comentário saiba que os comentários são moderados, portanto siga as regras que eu criei.Já que o blog é meu,eu crio as regras que eu quiser.Veja:

1-Não me insulte.
(somente eu posso te insultar)
2-Não me xingue.
(Só eu posso te xingar)
3-Não me ofenda.
(só eu posso te ofender)
4-Pode comentar usando palavrões,mas não ofenda ninguém.
5-Não faça spam ou propaganda.
6-Escreva direito,eu não sou obrigado a aceitar comentário de analfabeto aqui.
7-Vá 'esquerdar' em outro lugar,eu não quero saber do seu comunismo,socialismo,feminismo,LGBT,neo-ateísmo,afro-comunismo,etc.Puxa-sacos de Karl Marx,Che Guevara,Mao e Fidel Castro podem sumir daqui e nunca mais voltar.

É isso,siga essas regras e você será bem vindo aqui no blog.